sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

Uma monstrinha*

Me descobri uma monstrinha nada simpática que de vez em quando cansada dessa vida padrão-chata, fala demais e tem ações das quais se arrepende mais tarde.
Nadando nessa minha nova onda de sinceridade, estou arriscando com pessoas erradas e escolhendo as certas, mas é assim a vida né?
Andar com pessoas estranhas e ver seus amigos longes, ou seja nada doce.
Resolvi dar um crédito e abusar de certas bandas novinhas, resolvi escutá-las para não me arrepender depois.
De vez em quando se é permitido mudar. Com um gripezinha forte e o ar condiconafdo não ajuda, seu bando de burros e idiotas.
S.O.S

Nenhum comentário:

Postar um comentário