quarta-feira, 25 de novembro de 2009

O Tempero


Ontem meu dia foi bem quente. Altas conversas com a Dona Quel. Conversinhas que moças de família não falam com ninguém. Me diverti aos horrores. Me fez recordar meus tempos de menina má, rebelde.
Descobri coisas que andavam guardadas há tanto tempo. Sentimentos e desejos por pessoas e músicas que estavam escondidas. Todo mundo, em uma parte da vida, descobre-se completamente diferente do jeito que que era.
Descobre que coisas que não se permitia há 3 anos, faz a sua cabeça atualmente.
Momentos que nos despertam. Mostram que somos como qualquer outra pessoa. Meus sonhos continuam aqui, ..
Eu sou mutante, gosto de ser surpreendida. De amar e de ser amada. De curtir a vida e gosto sim de curtir os outros. Não estou cega, estou aqui pronta para arrepiar e se mostrar.
Dizer o que eu quiser. De arrepiar, de ousar e fazer. Eu quero sempre fazer, se os outros não querem, foda-se.

Um comentário:

  1. OLá Juliana, á primeira vez q visito seu blog. E tbm é o primeiro post seu q eu leio, mas apear disso, adorei!! sério, de verdade. Vc escreve bem e me identifiquei c/o q escreveu. Não sou muito de visitar e seguir blogs ou coisas afins, ma prometo passar aki de vez em qdo, pois seu blog ta muito legal. Parabéns!! Bjos. Stéphanie Serra.

    ResponderExcluir