quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

O Homem mau


- Não vou negar ;
Sou apaixonada por figuras realmente bizarras e estranhas. É só ter cara de mau, e lá vou eu.
Não sei o que acontece comigo e lá estou eu. Seguindo feito uma estrela de rock ou sei lá o quê. Essas pessoas em deixam de queixo caído, é sério. Os caras são sempre os mesmos. Jaqueta de couro preta, cara de mau, barba por fazer. Estou me sentindo com 15 anos novamente. Aquele comportamento do tipo " não tô nem aí". Aquela olhar gelado e frio. Só falta uma bebida bem gelada e eu avançar no pescoço dele.
Ontem comprei uma agenda nova, pelo visto vou continuar com os meus velhos hábitos. Que nunca mudam, pois é. Mas isso é uma marca registrada. Espero que 2010 venha com tudo, woohoo *

terça-feira, 29 de dezembro de 2009

Resoluções



- Resolvi enfim, fazer a tão esperada resolução de ano novo. Comentar para vocês, tudo sobre o que este ano representou para mim. Pelo visto, tenho muita história para contar.
Esse ano não passei no vestibular, o momento que tão esperava. Voltei para o pré-vestibular que tanto amava e caí em uma furada. Ele faliu e me deixou na mão. Conheci pessoas horrendas e pessoas incríveis, fiz amigos doces e especiais que quero levar para o resto da vida. Conheci pessoas que me fizeram ver o que nunca tinha visto e a essas pessoas digo, não nunca mais.
Pessoas me amaram, me odiaram, briguei, amei, chorei, me irritei e mudei, muito.
Dizem que na vida, tudo é uma questão de merecimento. Então, talvez seja por isso, que não passei no vestiba. Descobri que tenho amigos maravilhosos. Descobri que sou uma mulher submissa e que o meu relacionamento, com o Sir D,depois de idas e vindas, é pra valer.
Descobri que não há nada no mundo que eu mais queira que a minha facul de letras, que desejo muito estar entre os meus wtiters preferidos e que tenho muito que aprender.
Muito mesmo.
Espero que no ano de 2010 seja um bom ano, com muita saúde, amor,paz e alegria. Tudo de bom (é um clichê mas blz...). Muito trabalho e dinheiro. desejo enfim me mudar de maducity,
kisses.

domingo, 27 de dezembro de 2009

Novas ...

Tenho algo a contar. Surgiu uma oportunidade e estou escrevendo. O quê? Ainda não sei. Se virar história ou um livro, que bom! Mas a essa altura não me cobro muito. Digamos, como disse no twitter, que através de papel estou me vingando, está sendo delicioso e muito útil. A arte surge da onde se menos espera.
Não vou contar muita coisa, porque ainda são pequenos esboços. E sobre um cara, digamos, O CARA e uma garota, que na hora em que se lê, todo mundo tem vontade de ser ela. Creio que com toda a sede que estou vocês vão odiar e amar o protagonista. Tenho tido dificuldades de arranjar nomes para eles e para a história. Mas possivelmente, ele se chamará Fernando Melo. Isso, se não me surgir uma ideia melhor.
Prometo ser fiel e conseguir a atenção de vocês. Tomara que seja uma senhora história. Afinal, tenho inspiração de sobra.
Sim, eu me inspirei em algumas pessoas.
Rs, sorry

Leituras inspiradoras


Ontem não resisti e comprei "A Hospedeira" de Stephenie Meyer. Queria ler algo diferente e de que gostasse, então não pensei duas vezes. Fiz o passeio que tanto amo. Para hoje, não tenho nada. Eu queria tanto, se pudesse sair todos os dias faria. Meus primos de SP foram embora e deixaram uma espécie de vazio. Quem me conhece sabe bem o porque. Essa é a única época do ano que a minha casa fica cheia. A minha casa é o lugar mais vazio do mundo. Por isso, desejo tanto me mudar o quanto antes. As brigas se tornam a cada dia mais intensa e quero muito me mudar para um lugar muito mais bonito e seguro da onde eu moro.
Decidi também pelo livro da Stephenie porque além de amar as suas histórias, ela é uma espécie de ídola para mim. Admiro sua luta, garra e obstinação. Sim, desejo ser que nem ela quando crescer por mais que isso seja difícil. Mas é o meu sonho e ponto.
Ano novo está chegando,e ainda nem fiz as resoluções de ano novo. Quem sabe, eu faça por aqui. Ando meio ocupada lendo na internet.
E sentindo falta dos meus amigos. Eles não fazem ideia de quanto. Estou relendo Harry Potter, desde o livro 1. Já disse? Isso é prefeito!

sábado, 26 de dezembro de 2009

Depois do Natal

Feliz Natal atrasado! Não, eu não me esqueci do natal e nem do blog. Mas estes dias foram bem agitados para mim. Estudos e compras, ninguém sabe como é estudar no natal, rs!
Todos os meus primos de SP e pessoas que não vejo muito, estiveram bem perto de mim nesses dias.E outras coisas que não deveriam também...tenho sonhado um bocado.
Outra novidade, o pessoal não vai viajar este ano como previsto para Cabo Frio. Decidi que quero fazer tudo diferente, então resolvi que vou passar o ano novo em Copacabana ou na Barra. É o melhor que encontrei.
Quero fazer algumas coisas diferentes, tenho a sensação de que está na hora de parar de fazer sempre as mesmas coisas e sofrer pelas mesmas coisas. É hora de mudanças.
Tenho a sensação de que essa será a decisão mais inteligente que vou tomar,trabalhar. Chegou a hora de me virar e salvar uma graninha para mim. E a universidade? cheguei a conclusão de que ser vier, virá.
Ainda não é hora de fazer resoluções de ano novo aqui, ainda tem muita coisa para acontecer nesses 5 dias de 2009 que restam.
Voltei a ler Harry Potter, desde o livro um. Estou voltando a ler, a melhor coisa que poderia ter feito. Estou amando. Provavelmente vou torrar a grana que ganhei de natal em presentes hoje. Livros como sempre. Só não sei ainda qual. Queria poder levar a livraria inteira.
Agora que estou com graninha posso tomar um cafézinho ali na esquina.


Ouvindo- trilha sonora de lua nova

domingo, 20 de dezembro de 2009

Viva o espanhol




Não sei se já comentei aqui sobre a minha paixão pela língua espanhola. Mas não custa relatar... Eu sempre amei Inglês mas tinha um trauma muito grande em relação ao espanhol É que quase fui reprovada na escola. Desde então, minha relação com a língua é de puro ódio.
Mas voltei a me interessar durante uma aula de espanhol no pré vestibular, em uma dia que a professora de inglês faltou por algum motivo. Então, me apaixonei e não consigo mas me desvencilhar disto. Comecei a me interessar pelo curso na faculdade, é uma ideia que venho desde já amadurecendo.
Como sempre amei Shakira, ela voltou a ser minha referência. As músicas, o ritmo, tudo, vamos bailar ....

sábado, 19 de dezembro de 2009

Oliveira Belo




Ontem parti em uma aventura com Meu D, Raquel e seu "conhecido" João. Decidimos que como boas pessoas que somos, sair para nos divertir pela Oliveira Belo, perto do Largo do Bicão. O que não esperávamos é que tudo saísse diferente do imaginado.
Todo mundo se atrasou, quer dizer, todo mundo que eu quero dizer, é eu e D.Foi um tal de desencontros e encontros.
Acabou que demorou para nos encontrarmos e depois que tudo se ajeitou, ficamos uma hora e meia decidindo o que fazer. Beber? Não, Meu D é super certinho e não bebe. Comer? Só se não gastar muito dinheiro. Música ao vivo? Não, Meu D não iria querer pagar os 15 %. Jogar Sinuca? Não, eu e Raquel não sabemos jogar.
Perdemos um tempão com isso. Quando vimos,estávamos com fome e era hora de comer ou então iríamos desmaiar.
Quando parecia que a noite ia começar, tive que voltar para casa porque Meu D certinho que é, não gosta de chegar tarde na minha casa porque é muito perigoso e no dia seguinte ele ia acordar cedo para trabalhar.
Acabou que a minha noite mal começou, imagine o meu humor perante a isso. Nossas brigas sempre se resumem a isso. Tudo porque, Meu D é todo certinho. Mas aposto que se estivesse solteiro faria tudo diferente, só chegaria tarde em casa. Isso não é justo! Tudo por mim, isso não melhora as coisas.
Sempre espero muito das coisas e não me acostumei a fazer esses programas de gente velha. Ah, eu me esqueci de falar: Odeio gente velha. Esse comportamento todo certinho não é a minha cara.
Mas Meu D não compreende, nem nunca vai compreender.
Por enquanto, procurando alguém on e algum programa. Hoje é aniversário do meu Pai. Feliz 45 primaveras meu progenitor preferido!

sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

365 dias com ele





O que aconteceu entre nós, definitivamente não tem como explicar. Invadiu a minha vida sem pedir licença. A partir de então, muita coisa mudou.


Ele chegou e as coisas não foram as mesmas. Se "ele" fosse o tipo comum, talvez tudo continuasse como antes.Mas como foi "ele". Ele simplesmente não é um cara comum.


Me lembro muito bem, foi um acaso. Começou através de olhares, depois foram as insuações e enfim aquele clima. Como se algo estivesse rolando.

Por sermos tão parecidos, houve de cara aquela profunda identificação. Como eu nunca senti com alguém.

Eram as mesmas músicas, filmes e seriados. Ligados pelas mesmas paixões. Ele é a minha versão masculina.

De início, fiquei fechada e recuei como um animal com medo e com o tempo feito concha do mar fui me abrindo e descobrindo o que não devia, era sonho demais para mim.

Descobrir que ele tinha "aquelas" intenções comigo, mesmo não podendo, foi um choque. Nós dois em outras situações, nos flagramos em sintonia um com o outro.


Não demorou muito para uma série de pessoas reparar e comentar. Palavras duras e feias. Julgamento de quem não compreende e nem deve entender. Isso era só nosso, mas muita gente queria se meter.


Então, ele foi embora. Não deixou nenhum recado ou bilhete, algo do tipo: "Volto logo". Nenhum aviso, nem nada...


Só deixou as lembranças e a poeira do que viveu. Recordações dissipadas pelo tempo. Porém, ainda falta o futuro. Que ainda vai ser escrito e ele está nele.



E ele irá pagar por tudo que não fez..afinal foram 365 dias com ele.

domingo, 13 de dezembro de 2009

- Noites com estrelas.

- Estou cansada. Andei pelo shopping todo, procurando presente para o meu D e procurando também um possível presente para mim mesma. Rs
Estou completamente com sono, e sei que amanhã o dia promete. Geografia com Nélson, logo no primeiro tempo, de repente eu cabule a aula para ficar com meu D pela manhã. (Eu sei é feio mas voce acha isso porque não conhece esse meu professor).
Meu D foi embora a pouco, como moro na faixa de gaza e minha família parece com a das novelas do Manoel Carlos, ele teve que ir embora. Amanhã tem mais, é o dia de folga dele. Meu D recheou a minha noite com beijos maravilhosos, abraços macios e um sorriso de tirar o o folego.
A minha noite foi muito boa mesma, quem me dera que todas elas fossem sempre assim. Aliás mereço, afinal depois de uns estresses. É que meu problema é que quando fico chateada com uma pessoa, isso não passa tão rápido assim. Fica engasgado que nem farofa.
Não gosto de fazer o que os outros querem que eu faça. Nem gosto de ser o que os outros querem que eu seja. Por isso, essa eterna contradição.
Não gosto que fiquem no meu pé. Pocha, deixa eu ser feliz e curtir um pouco né?
Enquanto isso, o pc vai dando erro.
Sonhei com ele Hoje...com ele e a Miss Rosalie dele (eca!)

sábado, 12 de dezembro de 2009

Desejo





- Nunca imaginei que algum dia iria gostar tanto de Los Hermanos como gosto agora. As letras e canções tem feito tanto sentido para mim ultimamente. Aquele tal de samba meio rock alternativo me seduz completamente.Logo eu, que arrasei tanto os caras. Estou ouvindo "Último Romance", é meio tristinha mas linda. É aquele triste que todo mundo ama.
É bom ouvir essas músicas. Assim vou conseguir por certas metas minhas no encaixe.Desisti de certos projetos e me arrependo. Tenho contato com uma galera que faz sua arte independente. Sei que ainda nem cheguei na faculdade, mas esse lance de escrever sempre me seduziu. Já tinha até começado a escrever dois livros, mas terminei devido a motivos que não tente entender. E eram histórias apaixonantes, um tanto diferente. Mas estava amando fazer aquilo. Foi ali, que percebi tive certeza que era isso que pretendia seguir na minha vida. Dá um trabalho mas é recompensandor.
Voces devem estar pensando: "- Ah, quem essa garota pensa que é?". Mal sabem voces que nunca senti tanta vontade de escrever, desde que decidi escrever um livro.
Talvez, seja bem difícil continuar AGORA por causa das provas de vestibular e cursinho. Mas quem sabe, assim que tudo acabar, poderei ter tempo suficiente para isso? Pelo menos vou tentar.
Tive até outras ideias para outros livros ou quem sabe, mais histórias para complementar o livro. Fornecida de muitas informações, vou usar certas coisas que aconteceram comigo como bagagem. Pelo menos ISSO vai servir para alguma coisa.
A partir de fatos chegamos a história, alguém já disse isso uma vez.
Posso parecer meio promíscua mas estou com o maior tesão de escrever. Não é o melhor livro do mundo. Mas será feito como um coração. Já até tenho alguém para fazer o design da capa: ELE, o meu D.
Ainda bem que posso contar com ele para meus sonhos malucos.
Todo esse projeto falta muito ainda, é só o começo. Mas depois do vestibular é que terei respostas concretas.
Good Night

" Diário de uma vestibulanda- meu diário de bordo"




" Para todos aqueles que visitam o meu blog para fofocar sobre a minha vida, mando um salve, também sinto muita saudade de vocês.Saudade de ver todos ficarem fuchicando sobre o que faço ou deixo de fazer"

As ruas estão em maior clima de Natal, e para mim é como se fosse Junho ainda. Não sei se é pelo fato de estar ainda estudando o dai inteiro. Mas isso me deixou em um ritmo completamente diferente de todos aqueles que frequentem lojas de shopping e gastam fortunas em compras.Só vou sentir a presença de Papai Noel e compainha quando dia 24 de dezembro chegar.
Enquanto isso não aconteçe, vou enlouqueçendo com todas aquelas provas e pessoas. Estar em um curso grande é engraçado porque além de ser outro mundo, ficamos sabendo de cada putaria que aconteçe...
Ando por lá em momentos de pura observação. Dia 21 vai ter festinha lá, confraternização e tudo mais regado a funk( é, eu sei) e bebida liberada( yes!). Só sei que por lá, as pessoas são bem loucas e esse dia promete. Pode deixar que conto tudo aqui. Garanto a vocês que vou até o chão com todos os funks mara, hahah. É brincadeirinha!
Enquanto isso, ainda não acredito que "meu sonho de consumo" fez aquilo comigo. Até parece que eu já sabia. Detalhe: ouvi mais barabaridades sobre ele, mas eu nem me incomodo. É com os culpados que me divirto mais. Tenho uma enorme capacidade de gostar da cia de quem não presta.
Algum dia eu disse que era certinha?
Quem esperava essas coisas de mim? Fala sério, em pelo século XXI, não vou ficar posando de Sandy okay?
Hoje eu recebi um depoimento que foi o mais lindo que fizeram para mim. Quem tem o meu orkut vai lá ver( nananana), resume bem a minha história e meu sonho. As lágriminhas até desceram!
Já que também sou filha de deus, vou aproveitar a minha noite. Vou deitar com meu amor sem hora para acabar e beber caipirinhas antes de dormir. Tô tentando convencer meu namorado de aprender a tocar Los Hermanos, só pra mim.
"Para nós, todo o amor do mundo" - morena , los hermanos

domingo, 6 de dezembro de 2009

Mais uma , por favor !

Nos últimos dias, fiz algumas descobertas. Descobri que conselhos de amigas são essenciais e que devemos confiar neles acima de tudo. Descobri também que meio que parei no tempo. Como assim?
Me descobri uma velha ou criançinha como preferir rs, estou tentando levar isso pelo lado irônico.
Ontem reencontrei meus velhos amigos, teve festa da Nanda de 19 anos e tudo mais. Enquanto eu estava indo para casa dormir, meus amigos estavam partindo para o Olimpo. Bom demais!
Tá tudo bem, levando-se em consideração que meu namorado pegou as seis horas da matina para trabalhar e eu ainda fui fazer o Enem, mas mesmo assim...
Senti vontade de ir com eles, mesmo que fosse para um lugar que não curto. Eu só faço programa de velho. Não é que não goste, mas é que preferiria fazer outras coisas tbm!
Tenho vontade de conhecer gente nova, andar pela Lapa, pelos lugares que tanto amo. Mas eu namoro um cara que não gosta muito de sair. Ele gosta de economizar e ficar em casa. Logo eu, que sou tããõ diferente!