quinta-feira, 5 de abril de 2012

Despertar

Depois de um tempo sem postar, estou de volta. Espero que entendam, mas sou uma pessoa que às vezes precisa estar longe da internet para viver, sentir, trazer algo de novo para vocês e para mim. É isto que me impede de estar sempre logada no blogspot. Principalmente agora com faculdade, estágio, Projeto Novos Escritores, meu livro e minha vida social. Mas eu vou sempre ter tempo para aqui. Aqui é o meu canto, o meu lugar, onde venho desabafar, causar, falar de mim, do mundo, da vida e do pouco que entendo dela. Aqui estou ao som de Gym class heroes, com um sorriso no rosto e uma sensação tão gostosa dentro do peito que já não sentia há um tempo. Eu me sinto livre, com letras maiúsculas. Muitas coisas aconteceram e sem dúvidas, foram as melhores coisas que aconteceram. Me trouxe paz de espírito, tranquilidade e felicidade. Eu não sou apenas uma, tenho milhões de eu que moram dentro de mim e graças a Deus, não tenho que me justificar a ninguém. "Eu só faço o que gosto é aquilo que creio" como diria Maysa. Me amo demais e estou me afastando de tudo aquilo que só me atrasa. Metáforas a parte, nesse meio tempo, estou vivendo uma fase com gosto de novo, sonho e amor (em todos os sentidos). Eu me sinto útil, comecei a estagiar e exercer a minha profissão tem sido maravilhoso. Descobri que gosto de dar aulas, ver o sorriso dos meus alunos e ajudá-los, não há dinheiro no mundo que pague esta sensação. Por conta disso, meus dias tem sido corridos e nesse meio tempo, me viciei em uma série chamada "The Secret Circle" (Da mesma autora de Diários do Vampiro, L.J Smith. A série narra a história de Cassie Blake que descobre ser uma bruxa após sua mãe morrer e tem que ir morar na cidade natal de sua avó). Acabei me viciando, chegando a assistir vários episódios em inglês. Nesse meio tempo, venho arquitetando o desenrolar do meu livro. Tenho ouvido músicas, lido livros que possam me estimular e a caminhar no ritmo que quero. Consequência disso tudo que estou vivendo, tenho sonhos com meus crianças falando extremamente alto e bruxas sedentas por poder ao som de Bat for Lashes. Minha vida se resume a psicodelia pura. Mas eu estou gostando do rumo que está tomando, dessa onda que está me levando. São novas pessoas entrando, novas páginas sendo escritas. Um passo de cada vez, mas bem calculado e pensado. Muita aventura está por vim e sim, começa uma nova fase não só na minha vida, mas como para o blog. Tenho muitas novidades e como podem ver, mudei até o layout dele. É tão mudar, se reinventar e se encontrar em mil facetas. Sim, O Momento Lala está despertando mais uma vez e trazendo mais histórias que irão saciar vocês!

9 comentários:

  1. Dizem, vc tá apaixonada por alguem novo, por isso ta melhor. Tô apaixonada sim, por mim mesma hahahaha e é por isso q ficamos bem.

    ResponderExcluir
  2. Fico feliz que você tenha voltado para o mundo da blogosfera. Já estava sentindo falta de suas palavras... Sei muito bem o quanto é difícil manter o blog atualizado. Ainda mais agora, com tantas mudanças em sua vida. Espero que dê tudo certo para você, para seu livro e sua profissão.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. juliana como eu amo todas as suas palavras, adoro ler seus textos! continue escrevendo que eu continuo seguindo :) beijos!

    ResponderExcluir
  4. Bem vinda de volta, flor!
    Ótima Pascoa!

    ResponderExcluir
  5. sobre ter que ficar longe do blog, sei exatamente como são essas coisas.
    sobre estar escrevendo um livro... acho que só eu que estacionei e passei a não escrever uma história continuada. calma que eu já acordei e quero escrever [voltar ao meu primeiro sonho]. e olha só, uma professora que gosta do que faz. isso é raro.

    ResponderExcluir
  6. Mas eu também ando bem sumida do blog. Mas tento ao máximo não deixar passar mais de uma semana sem atualizar. O que está sendo BEM difícil... mas a gente tenta.
    Nossa menina, estágio cansa né? Quer dizer, estudar e trabalhar cansa, pq chego em casa só de noite e tenho mil trabalhos pra fazer da faculdade.. Ando dormindo pouco e mal, e saindo menos ainda.. kakakaka.. tô aproveitando o ferido pra deixar tudo bem adiantado pra ter uma semana mais tranquila... hihihih..
    E essa coisa de sair da casa dos pais é bem estressante, pq são mais preocupações né, mas já tá na minha hora, então vou juntar um dinheiro bom, pq não adianta sair do teto do pai e continuar pedindo dinheiro né? kakaka

    bjuss e até a próxima!

    ResponderExcluir
  7. Oi , Juliana (:
    Achei tão lindo o último comentário que você deixou no meu blog *-* Saiba que também te amo e que você também é muito importante pra mim . Muito mesmo .
    É muito bom saber que tenho uma amiga tão sincera e dedicada como você - além de fofa, inteligente e criativa. Já conheci tanta gente com quem me decepcionei, mas você sempre esteve aqui, me ajudando, compartilhando sentimentos. É uma pena que você more tão longe de mim e eu de você.
    Enfim, parece que nós duas fizemos uma pausa ao mesmo tempo, e eu nem sei sobre o que falo primeiro. Estou tão intensa e precisando me expressar que até voltei pro tumblr, porque estou achando que o blog não é suficiente, e criei um novo blog, Extension . Gostaria de te ver lá . O endereço é dillymonnete2.blogspot.com.br e a visualização mais interessante é a clássica.
    Enfim, Ju, eu não sumo se você também não sumir! E eu vou contando as novidades no novo blog e no tumblr, mas também quero saber de você! Não me deixe sem notícias !
    Beeijos ♥

    PS: eu não gosto muito de Português, mas adoraria que você fosse minha professora. Acho que com seu entusiasmo, eu poderia até mudar de ideia sobre a nossa língua nativa (:
    Por falar em tumblr,

    ResponderExcluir
  8. Juliana:

    Que esta nova fase seja marcada por muitas conquistas e coisas bonitas.
    Beijoos lindona e Feliz Páscoa.

    ResponderExcluir
  9. Olá Juliana. Nada que eu diga pode ser melhor do que as palavras de Nietzsche, então:

    "Agora, prossigo sozinho, meus discípulos! E vós, também, agora, ide embora sozinhos! Assim o quero.

    Em verdade, eu vos aconselho: afastai-vos de mim e defendei-vos contra Zaratustra! E, ainda melhor, envergonhai-vos dele! Talvez vos enganasse.

    O homem de conhecimento não deve poder, somente, amar seus inimigos, mas, ainda, odiar também seus amigos.

    Retribui-se mal um mestre quando se permanece sempre e somente discípulo. E por que não quereis arrancar folhas da minha coroa?

    Vós me venerais; mas e se, algum dia, a vossa veneração vier a morrer? Tomai cuidado com que não vos esmague uma estátua!

    Dizeis que acreditais em Zaratustra? Mas que importa Zaratustra! Sois os meus crentes; mas que importam todos os crentes!

    Ainda não vos havíeis procurado a vós mesmos: então, me achastes. Assim fazem todos os crentes; por isso, valem tão pouco todas as crenças.

    Agora, eu vos mando perder-vos e achar-vos a vós mesmos; e somente depois que todos me tiverdes renegado, eu voltarei a vós.

    Em verdade, com outros olhos, meus irmãos, procurarei, então, os que perdi; com outro amor, então, vos amarei."

    ResponderExcluir