quinta-feira, 20 de setembro de 2012

Doces travessuras de Zofia e sua turma


O Estranho Mundo de Zofia e Outras Histórias

Autora: Kelly Link

Editora: Leya



Sinopse


Um livro maravilhoso, que ultrapassa os limites da imaginação! Que tal encontrar um mundo inteiro numa bolsa? Ou jogar pôquer com parceiros, digamos, apocalípticos? O livro que você possui nas mãos nada mais é do que o fantástico e mágico mundo de Kelly Link, uma das autoras mais consagradas da atualidade. Considerado o melhor livro do ano, "O Estranho Mundo de Zofia e Outras Histórias" permeia os limites da imaginação dos que se permitem ser transportados a um mundo fabuloso, cheio de estranhas criaturas, coelhos, jogos muito estranhos, fantasmas, zumbis, feiticeiras, amores e heróis. Deixe-se levar pelas encantadoras histórias deste livro. Afinal, quem precisa de realidade? "O Estranho Mundo de Zofia e Outras Histórias" é a prova de que sonhar define o tamanho do poder da criação.


Para começar, desde que vi esse livro, não consegui tirar os olhos dele. Vamos começar pela capa que é simplesmente genial e criativa. Este livro ganhou ainda mais pontos comigo. Quando fui ler a contra capa e vi a indicação do Mestre Neil Gaiman, descobri que é um livro na mesma vibe que Alice no País das Maravilhas, Sandman e Noiva – Cadáver. Bem, eu simplesmente pirei e comprei o livro sem pensar duas vezes.
Caso queria ler este livro, primeiramente saiba que ele não é um livro comum. Mas como assim ele não é um livro comum? Digamos que ele segue a linha do surrealismo fantástico com pintadas de humor negro. Pense em “Os fantasmas se divertem” e “O estranho mundo de Jack” e adicione doses de fantasia, filmes trash, filmes B dos anos 80 e você terá este livro.
O livro começa com o primeiro conto chamado “A bolsa mágica”. Nele, descobrimos quem é Zofia e morremos de rir com ela. Esta personagem tem todas as características que mais amo nos personagens. Zofia é uma avó meio louca e mística que conta histórias sem noção do lugar que ela veio para a neta. Extremamente surpreendente
Outro conto que conseguiu a minha atenção foi “Animais de Pedra”, nele percebemos o quanto o livro Alice no país das maravilhas foi uma grande inspiração para a autora. Diria até que ela quis fazer uma homenagem e foi muito feliz ao fazer isso! Neste conto, coelhos gigantes ameaçam e protegem a família que reside na casa, onde aos poucos seus objetos e eles próprios começam a ficar “assombrados”.
Apesar de ter um enredo extremamente fantástico, Kelly Link compõe os personagens de uma forma simples, ao mesmo tempo de uma forma única e tão comum, que faz com que a gente se identifique, como por exemplo, no conto “Magia para iniciantes” que conta a história de um grupo de amigos apaixonados por um programa de TV pirata no qual a personagem principal é uma raposa e ninguém nunca viu os atores e a cada dia, este programa passa em um canal diferente.
Ao terminar de ler, bateu aquela saudade e senti aquele gostinho de quero mais, por favor. Fazia tempo que não lia algo tão inovador, encantador e único. Faltam escritores que defendam sua história com tanta paixão e uma abordagem moderna como a dela.
Costumo dizer aos meus amigos que este livro é uma viagem do início ao fim. Escrito por Kelly Link, é um livro de contos altamente psicodélicos que não seguem a narrativa comum. Aqui você não vai encontrar mocinho, vilão e o caso que deve ser desvendado. A qui as situações e histórias se desenrolam de forma completamente diferente e... estranha!
Li muitas resenhas e poucas pessoas conseguiram enxergar o espírito da coisa. Acredito que muitos leitores estejam acostumados com histórias que possuam início, meio e fim e mocinhos e vilões. Mas esse não é o caso deste livro. Pense em finais loucos, que não sejam felizes e que te surpreendam. BAH, você vai ter nesse livro (sem spoilers, acalmem-se).
Me identifiquei com a escrita da autora, pois em seus contos, há presença de personagens fantásticos como os zumbis que recheiam as suas histórias. Várias vezes enquanto lia, pensava no Apocalipse Zumbi. Essa sensação ficou mais forte ainda ao ler o segundo conto chamado “O Hortak” que me fez lembrar os filmes dos anos oitenta e os personagens sem noção daquela época. Sem dúvidas, este conto é um dos meus preferidos. Mas não espere, uma história tradicional. Isso você não vai ter nos livros de Kelly Link! E que bom, pois é isto que o torna ainda melhor!
Olha, se você é um leitor que não curte leituras ou histórias inovadoras, vá preparado para ler o livro, ele é extremamente diferente e encantador. Mas se você é um leitor que como eu, não tem medo de se arriscar, que precisa de coisas novas, curte Neil Gaiman, Tim Burton, filmes trash e anos 80. Olha, eu acho que você vai pirar!
O que mais me atraiu nesse livro sem dúvidas é que a autora é dona de uma personalidade e criatividade ímpar. Eu quero ser como Kelly quando crescer, que roubou meu coração e minha alma!
Prestem atenção nesse nome, vocês ainda vão ouvir muito falar dela.
Este livro me presenteou com um surto literário e já estou pensando em ler novamente. Sim, eu sou louca. O mais legal é que quando a gente lê esse livro, a gente não se sente sozinho ♥


Para quem não conhece Kelly Link, saiba que a autora ganhou uma viagem de volta ao mundo respondendo à pergunta "Por que você quer viajar ao redor do mundo?" ("Porque não se pode passar por dentro dele.")

Isso é tudo =)

Kelly Link é uma escritora de contos estadunidense[1]. Suas histórias se enquadram no estilo descrito como slipstream: uma combinação de ficção científica, fantasia, horror, mistério e realismo. Link e seu marido (Gavin Grant editam desde 1997 um fanzine de fantasia semi-anual intitulado Lady Churchill's Rosebud Wristlet (ou LCRW). O casal vive em Northampton, Massachusetts.

12 comentários:

  1. Apesar do livro parecer fantasioso, parece ser muito gostoso de ler.
    Poxa, fquei muuito feliz com seu comentário no meu blog.


    Ti sigo, com muito przer.

    ResponderExcluir
  2. Nossa, o livro parece ser muito bom, fiquei com vontade de ler.
    Bela resenha que você fez!

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Confesso que nunca tinha ouvido falar nessa autora. De fato, a capa do livro é linda e esse tipo de literatura que nos faz viajar pruma realidade paralela parece ser exatamente o que eu to precisando no momento. Saber que é dividido em contos me deu ainda mais gana de ler.
    Como a grana não ta sobrando, vou ver se empresto de uma amiga. ;) Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Estou lendo esse livro e confesso que tem sido um desafio, pois é o primeiro do gênero. Mas é realmente instigante e desafia o nossa imaginação.

    ResponderExcluir
  5. Me deu vontade de ler, parece uma leitura deliciosa!
    beijo beijo

    http://lladodedentro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. O nome do livro lembra o do Jostein Gaarder (e até um pouquinho da forma da descrição do mesmo lembra outro livro dele), mas fui lendo e achei muito gostosa essa mistura de fantasia e outros gêneros de livros que a autora misturou. Deve ser uma leitura muito boa! Já é o terceiro que vi hoje recomendado em blogs alheios, acho que a minha lista de leitura nunca acabará! AHAHAHHA Preciso ler esse também.
    Um beijo, @pequenatiss.

    ResponderExcluir
  7. Não parece que o nome brinca com o nome "Sofia",de outro livro?
    ~Emilie Escreve~ Fanpage@blogabs

    ResponderExcluir
  8. Parabéns pelo blog linda *-* Bom, amei a capa do livro, e pelo seu post dá pra ver que é uma boa historia!
    http://fazdecontatxt.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Por favor, a capa já chama a atenção de cara e a sinopse idem, sua resenha foi a segunda que li sobre esse livro, se não me engano, e aumentou meu interesse, não sei se a leitura fluiria bem, estou com dois livros de contos há meses e ainda não li direito nem o primeiro, mas quero sim ler esse livro *O*

    Beijos
    Meu outro lado

    ResponderExcluir
  10. Fiquei com vontade de ler! Me deu aquela sede de saber tudo e decorar páginas, rs.
    Ótima resenha!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  11. Parece bem viajante. Já havia lido sinopses dele, mas menores. Bom, eu quero ler. Já é desejado, mas tem uma fila enorme na frente rs

    *Vitamina de Pimenta*

    ResponderExcluir